badge
Quinta-feira, 11 de Outubro de 2007
Mas que grande aflição

 


É verdade filhos do meu coração então não é que levei toda a santa noite a sonhar com as cores do vestido que se me pôs uma dor de barriga como há muito não tinha mais propriamente desde que fiz aquele esforço que me valeu uma quebradura no umbigo porque cismei que havia de dançar a noite inteira nas festas da Nossa Nossa Senhora da Agonia?

          
Nem vos conto as vezes que já corri para me aliviar e o meu Zé até foi à menina nova da farmácia pedir ajuda porque coitadinho verdade seja dita ele é muito meu amigo e se eu lhe for à frente ele vai logo atrás de mim, porque homem habituado a ter tudo feito é assim mesmo e a nossa afeição é para toda a vida como manda Nosso Senhor e disse o Sr. Cura quando nos casou.

Lá estou eu a divagar meninos mas graças aos santinhos que esta aflição me calhou hoje porque a menina Joana da aldeia dos sapos andou a oferecer à gente aqui da terra uns piaçabas novinhos em folha que são uma beleza e eu cá que sou muito de aproveitar as coisas, dei-lhe logo uma serventia que estou a ver que tenho que pedir ao meu homem para ir buscar mais.

É verdade que esta vossa Beata é uma mulher do campo e pouco dada a letras mas nunca chamei piaçá ao piaçaba como disse aquele menino que tem um grupo que cheira muito mal e até lhe chamam os fedorentos além de dizerem que são bichanos ou gatos ou lá o que é.

Com isto tudo meus anjinhos não tenho tido cabeça para pensar nas cores do malfadado vestido e se não ficarem ofendidos fica para uma próxima que também isto não é nenhuma sangria desatada.

Já me esquecia de vos contar recebi uma carta muito bonita que por sinal ainda não a li toda do nosso Anjinho protector,

 São M Abreu

                                  

e por sinal já trazia o selo com o retrato dele, ora vejam lá que lindos caracóis e até sabe tocar e tudo, ai rico filho.

 



Aprendam a dizer  piaçaba e até qualquer dia se Deus quiser

Beijinhos repenicados desta que se assina
Beata da Aldeia

 

 

PS: Desculpai-me mas hoje não tenho cabeça p'ra responder às vossas cartas que estou outra vez numa aflição à conta destas malditas cólicas

  

 


Como vai a minha vidinha:

Carta escrita pela Beata da Aldeia às 20:12
link do post | Escreve à Beata | favorito
|

22 comentários:
De M.Abreu a 11 de Outubro de 2007 às 21:15
Boa noite Dona Beata

Faço ardentes votos para que esteja bem melhor, que já esteja completamente restabelecida.

Olhe, até corei!...verdade, até corei quando li que o vosso santinho protector era o São M.Abreu... oh minha rica Senhora, por favor, não me ponha no altar!

Agradeço-lhe e acredite do fundo deste coração que tem funcionando sempre bem até a hora em que lhe escrevo estas humildes mas sinceras palavras que fiquei muito sensebilizado com essas vossas palavras que calaram bem fundo dentro daquilo que nós, mas nós todos temos no nosso organismo, ou seja cá mesmo dentro do fundo da nossa parte mais intima e em que sentimos mais essas palavras cheias de elevadissima consideração e que as palavras não traduzem tudo aquilo que sentimos na nossa alma e assim sendo, por que é assim, fiquei imensamente emocionado e acredite, até acendi uma velinha ao meu santo protector.

Estou-lhe grato, estou reconhecido e creia-me que gostava um dia de a conhecer, e, estou convicto que jamais se arrependeria, sim, que jamais se viria a arrepender, pois as orações que fariamos, (ou que faremos!, quem sabe!) unidos, isto é, e para evitar mal entendidos, próximos!... mas dizia eu, essas orações conjuntas de certeza que o Senhor nos daria ouvidos e pensaria lá com os seus botões: - que maravilha, assim até dá gosto ser o Senhor de devotos deste - e sorria, sorria com a sua grandiosa e infinita bondade, e nós, neste caso eu a Dona Beata, ficariamos aliviados e soletrando umas trèmulas palavras, pronunciariamos: - desta já nos safamos! -...

Oh, Dona beata, desculpe este desabafo, mas sabe, defeito de oficío!

Fique bem , tenha uma santa noite e não pense muito nisto....

Já agora, que o vosso Zé não venha exergar o Blog!... senão temos o caldo entornado, isto é, temos sarilho do grosso e aí, não há prece que se aguente!

Com elevadissima estima e consideração..

M.Abreu


De M.Abreu a 11 de Outubro de 2007 às 21:33
Dona Beata

Desculpai-me os erros, mas sabe, estava deveras emocionado e agora, após ter limpado a vista é que vi que dei algumas calinadas na ortografia! ... olhe, acontece...

Espero sinceramnte que esteja restabelecida das suas cúlicas.

Bem haja
M.Abreu


De Beata da Aldeia a 14 de Outubro de 2007 às 19:06
Menino Abreu nem calcula o gosto que eu tenho em ler as suas cartas se bem que a menina da farmácia já se esconde quando me vê lá entrar porque o menino tem-lhe dado muito trabalho isso é bom de se ver.

Gostava muito que o menino visse cá à minha aldeia que eu já falei ao Sr Cura em si e ele estimava muito que o menino o ajudasse à missa um destes domingos dado ter feito os seus estudos no seminário que eu já estava desconfiada com esta prosa toda.

Cismei cá numa coisa, Menino Abreu que é o seguinte:

- Porque seria que o menino não foi para Padre?

E então pensei que tentações o demónio lhe teria mostrado, mas cada um sabe de si e o menino ainda está a tempo de se arrepender e decidir outro caminho para a sua vida.

Um Santa noite de Domingo


De FELINO a 11 de Outubro de 2007 às 21:52
Olá D. Beata
Só passei por esta aldeia porque ouvi dizer que estava um pouco em baixo. Vim deixar 500gr de melhoras e que fique bem rapidamente .
Se precisar de alguma coisa é só dizer.
A sua Bênção


De Beata da Aldeia a 14 de Outubro de 2007 às 19:08
Obrigada pelo seu cuidado menino Felino mas não se apoquente que eu graças a Deus já estou boa que hoje até fui ao bailarico com o meu Zé

Não arranhe muito menino e um beijinho


De Visitante a 11 de Outubro de 2007 às 23:35
Olá Dona Beata

Tenha calma, Senhora.

Isso resolve-se tudo com uma dose de água de arroz!

Beijinho respeitoso na palma da sua mão
Visitante


De Beata da Aldeia a 14 de Outubro de 2007 às 19:11
Cara laroca, querido filho, foi com caldos da minha Josefina que me curei desta maleita, mas mesmo assim fico-lhe muioagradecida pela sua receita.

Será que o menino também cozinha?

Beijinho desta que muito o estima


De Visitante a 14 de Outubro de 2007 às 20:55
Santas noites, Dona Beata

Que pergunta tão descabida, se eu cozinho!

Então a senhora não sabia que eu sou um especialista altamente qualificado em cozinhados crus e grelhados carbonizados?

Com franqueza!, ora essa!!!

Mas fico aliviado por saber que a Dona Beata já está melhor.

Felizmente, eu também já me curei da constipação que apanhei aaaaaa.....aaaaaaaaaa....AAAAAAAA.. TCHIMMMMMM!!!!! oh dão!, lá be gonsdipei de dovo!!!

Bisidande
ATCHIM!!!!!


De Margarida a 12 de Outubro de 2007 às 08:29
Dona Beata
Mas que arrelia ! Será que comeu chocos com tinta? dizem que costuma ter esse fim.
coitadita.....Olhe querida Beata, aguinha com farinha, é bom para a barriguinha, senão vai ser uma fortuna em piaçabas.
Mais logo venho saber de si.
As melhoras


De Beata da Aldeia a 14 de Outubro de 2007 às 19:14
Não foi disso, querida filha, foi dos nervos que dão cabo de mim quando eu cismo com uma coisa mas agora já passou até bailei com o meu Zé, já viu a nossa fotografia?

Beijinhos e não se esqueça que continuo a rezar pela sua salvação


De Cristal a 12 de Outubro de 2007 às 08:49
Ai assim é um "ganda" problema, a Sodona Beata doente???? Nem pensar , senão quem nos trás as noticias da aldeia???
Agora fiquei "embaralhada" e se me é permitido uma pergunta, afinal a sua aldeia é a norte ou a sul?
Agora quanto a essas cólicas por um acaso, mas só um acaso , não andará por ai um vinhito doce , é que sabe nesta altura é vindimas é coisita que não falta , e sendo de uma aldeia sabe como é.
Beijos cristalinos


De Beata da Aldeia a 14 de Outubro de 2007 às 19:19
Tambem gosto do meu copito vai não vai, menina Cristalina, mas palavra que deste vez não foi disso, foi dos nervos que se me puseram por causa da cor do vestido, mas agora já estou pronta para outra, salvo seja.

Então a menina não sabe onde fica a minha aldeia?

Cá para mim anda distraída com outras coisas, só espero que não sejam coisas do demónio, mas descanse que eu vou pedir por si para a menina continuar no bem caminho até porque daqui a nada, conforme li na carta lá na sua aldeia, a menina vai-se fazer mesmo à estrada, não é?
Muita sorte e beijinhos





De Margarida a 12 de Outubro de 2007 às 15:42
Dona Beata
Espero que as "culicas" como escreve o Sr.M.Abreu, já estejam mais suavezitas...
Venho aqui hoje falar-lhe duma dúvida que me surgiu, há uma contenda cá em casa, a foto do início do blogue é a actual ou esta que se nos apresenta de chapéu é que é a actual?
Se a primeira é dos tempos dantanho será no dia do seu casamento? se assim for ia muito ousada para a época......
Desculpe a ousadia sim?
as melhoras das suas dores de barriga!
Um beijinho da sempre irreverente


De Beata da Aldeia a 14 de Outubro de 2007 às 19:25
A menina Margarida é muito observadora deu logo pela marosca, mas eu digo-lhe já o que se passa:

A fotografia onde eu apareço com as pernas à mostra, do joelho para baixo porque eu sou mulher séria e casada, foi tirada no dia do meu casamento com o meu Zé , já lá vão muitos anos, quando fomos de partida para a noite de núpcias.

Estou bonita não estou?

Bons tempos!


De MT-Teresa a 12 de Outubro de 2007 às 20:09
Dona Beata

Espero que esteja melhor das "cólicas" e não pense mais nas cores do seu vestido, porque pelas fotografias que aqui nos mostrou qualquer cor lhe deve ficar a matar (salvo seja...rsss)

Não se preocupe que o Santo Protector M. Abreu zela por si e até lhe canta uma canção de embalar.

Adorei a fotografia do "Santo" apesar de ele ainda não ter vindo a público comentar o facto.

Deve ter ficado envergonahado, por causa da pouca roupa que trazia vestida quando foi aos correios.

As melhoras e volte depressa

Com consideração





De Beata da Aldeia a 14 de Outubro de 2007 às 19:30
As "cúlicas" como muito bem disse o nosso M Abreu, que para lhe ser franca já nem sei se é Santo, porque para santo parece danadinho para a brincadeira tal qual a menina das margaridas, já me passaram e hoje até dancei com o meu homem.

Muita grata pelo seu cuidado menina da Santa Teresinha.

Descanse bem e feche a janela por causa das luas.

Um beijinho


De Zeca Rapiço a 12 de Outubro de 2007 às 20:49
Àtão Dona Biataaa
Oh mulheriiii, essa caganêra ná lhe passaaaa?
Vá à loja do Ti Xicuuu para vêri se elhe lhe avia qualquer coisaa para a barrigáá!


De Beata da Aldeia a 14 de Outubro de 2007 às 19:34
Ainda não tinha visto carta sua, Ti Zé CaRapiço mas digo-lhe já do coração p'ra fora que estimo muito em o ter aqui.

Pela fala, deve ser alentejano que sem desfazer, é tudo boa gente e muito trabalhadeira, vai na volta até calha sermos vizinhos.

Um abraço apertado compadre


De Zeca Rapiço a 14 de Outubro de 2007 às 21:00
Ah Comadri Biatááá

Vênha de lá esses ossuuusss

Vossemessêiii é cá das minhááás!


De Deodato de Pias Sá a 13 de Outubro de 2007 às 00:22
Prezada Senhora

Queira aceitar os meus parabéns pelo seu escrito, mesmo que redigido em linguagem tão simples e popular.
Bem vê, nem toda a gentinha teve oportunidade de frequentar as melhores escolas do país.
Ao passo que eu, descendente de boas famílias, estudei nos colégios particulares mais caros.
Aceite os meus respeitososos cumprimentos

Att, Vnrd, Obgd
Deodato de Pias Sá


De Beata da Aldeia a 14 de Outubro de 2007 às 19:37
Sou mulher simples e tenho muito orgulho nisso, não querem lá ver?

Teve berço de oiro Sr. Deodato ,sorte sua, só estimo que essa educação toda lhe sirva de bom proveito mas tirando isso é muito bem vindo cá à aldeia da Beata

Cumprimentos


De Deodato de Pias Sá a 14 de Outubro de 2007 às 21:02
Hmpf!

Estou-lhe penhoradamente grato pela simpática recepção, Minha Senhora.

Cumprimentos


Escreve à Beata

Escrevam à Beata ricos filhos
Vem cá ver a Beata da Aldeia

adopt your own virtual pet!
Maio 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
14
15
16
17

18
19
20
22
23
24

25
26
27
28
29
30
31


Cartas fresquinhas

O Tempo Tanto Anda Como D...

A Beata vai voltar!!!

Até p'ro Ano

Não se deixem enganar

Feliz Natal e muita saúdi...

O Natal não tarda aí

Ajudem o Planeta a Respir...

O Novo Aeroporto

Pelo S. Martinho, prova o...

A boa caridade começa em ...

Sábado dançante na aldeia

Que grande pesadelo

Protejam-se das bruxas qu...

Assombração na aldeia

Os pedidos do Sr. Padre C...

De candeias às avessas

Não há formosura sem ajud...

O rir e o folgar não é pe...

Enquanto há saúde quedos ...

Mas que grande aflição

Cartas com bicho

Maio 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

tags

aeroporto

agradecimento

água pé

aldeia

alegria

alhos

amigos

ano novo

árvores

assombração

bailarico

baile

beleza

benzeduras

blog

bruxas

burro

caridade

carta ao pai natal

cartas

cartas ao pai natal

casamento

castanhas

chuva

clima

cólicas

dançar

dia da floresta

dia das bruxas

domingo

esmolas

folgar

gasolina

histórias

homem

igreja

internet

magusto

mau olhado

medo

mulher

natal

net

noite

notícias

noticias

padres

pedidos

pesadelo

piaçaba

presentes

receitas

regresso da beata

rezas

roubo

s. martinho

sábado

são m. abreu

saúde

selos

sol

sr cura

tempo

testes

vida

zanga

todas as tags

últ. comentários
Anda tudo a correr me mal.Aparelhos avariam se sem...
Adoro o teu blog, ando sempre a ver as novidades, ...
Cuernos y herraduras también los utilizamos por es...
Visita o blog :http://rittiinha.blogs.sapo.pt/Obri...
Já estamos no Outono Boa Noite
Querem ver que a Beata foi de férias prolongadas?
A chuva já parou.o sol veio para ficar.A gasolina ...
Beatachamou a minha atenção - não por ser beata - ...
Venho pedir um grande favor:se me pode dizer quem ...
Enganei-me!!!!!!!!!!Um pocinho de petróleo...rsrs ...
mais comentados
RSS