Quinta-feira, 22 de Novembro de 2007
Ajudem o Planeta a Respirar

 
Tenho andado muito adoentada e só hoje me levantei um bocadinho, porque já não aguentava as dores nas costas já para não falar das saudades que eu tenho de todos.

 

Isto do tempo estar todo trocado, troca-me as voltas cá de uma maneira que vossemecês nem calculam.

 

Quando devia chover, faz sol, e é um calor que ninguém aguenta e à conta disso apanhei uma virose ou lá como é que isto se chama, mas foi assim que o Sr. Dr. Médico lhe chamou e eu acredito porque ele é pessoa de muita sabedoria.

 

Depois, de repente, acorda-se com um dilúvio, que mais parece aquele do tempo do Noé, só que aqui ninguém teve tempo de construir arca nenhuma para se abrigar e a água entrou a jorros pela casa das pessoas.

 

Já para não falar dos incêndios que este ano também vieram fora do tempo, e até me deu vontade de rir, porque os senhores daquele desgoverno que nos governam, deitaram os foguetes antes do tempo, quando todos contentinhos, vieram dizer que neste Verão, tinha sido um regalo de se ver, porque finalmente a floresta ardida era quase zero.

 
 

- Zero, são eles, onde é que já se viu, com um Verão daqueles cheio de chuva, queriam que houvesse fogos onde?

 

Ora eu, apesar de ser mulher da aldeia, gosto de andar bem informada com as coisas do mundo, e o meu Zé compra sempre o jornal porque eu lhe mando, e enquanto estou a passar   a ferro, ele  vai-me dando conta das noticias.

 

Por isso meus anjinhos, não se esqueçam que amanhã é o dia da floresta e bem que estamos precisando de muitas árvores para ajudar o planeta a respirar melhor.

 

A vossa Beata, apesar de ainda estar às voltas com esta tal de virose, amanhã vai ajudar a plantar árvores aqui.  Pode ser que encontre algum de vós, e não se esqueçam de me falar se me virem está bem?

 

Agora tenho que ir, porque já me está a chegar de novo a maldita da febre.

 

Até qualquer dia e ajudem a cuidar do planeta.

 

Beijinhos repenicados

 

Da vossa Beata da Aldeia

 

  


Como vai a minha vidinha:

Carta escrita pela Beata da Aldeia às 22:03
link do post | Escreve à Beata | Ver as cartas (10) | favorito

Escrevam à Beata ricos filhos
Vem cá ver a Beata da Aldeia
Maio 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
14
15
16
17

18
19
20
22
23
24

25
26
27
28
29
30
31


Cartas fresquinhas

Ajudem o Planeta a Respir...

Cartas com bicho

Maio 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

tags

aeroporto

agradecimento

água pé

aldeia

alegria

alhos

amigos

ano novo

árvores

assombração

bailarico

baile

beleza

benzeduras

blog

bruxas

burro

caridade

carta ao pai natal

cartas

cartas ao pai natal

casamento

castanhas

chuva

clima

cólicas

dançar

dia da floresta

dia das bruxas

domingo

esmolas

folgar

gasolina

histórias

homem

igreja

internet

magusto

mau olhado

medo

mulher

natal

net

noite

notícias

noticias

padres

pedidos

pesadelo

piaçaba

presentes

receitas

regresso da beata

rezas

roubo

s. martinho

sábado

são m. abreu

saúde

selos

sol

sr cura

tempo

testes

vida

zanga

todas as tags

últ. comentários
Anda tudo a correr me mal.Aparelhos avariam se sem...
Adoro o teu blog, ando sempre a ver as novidades, ...
Cuernos y herraduras también los utilizamos por es...
Visita o blog :http://rittiinha.blogs.sapo.pt/Obri...
Já estamos no Outono Boa Noite
Querem ver que a Beata foi de férias prolongadas?
A chuva já parou.o sol veio para ficar.A gasolina ...
Beatachamou a minha atenção - não por ser beata - ...
Venho pedir um grande favor:se me pode dizer quem ...
Enganei-me!!!!!!!!!!Um pocinho de petróleo...rsrs ...
mais comentados
RSS